ÚLTIMAS NOTÍCIAS

6/recent/ticker-posts

Pico do coronavírus: Zema teme colapso do sistema de saúde em um mês



 O governador Romeu Zema (Novo) disse que, se a curva da COVID-19 continuar no ritmo que está, o sistema do saúde mineiro pode entrar em colapso em um mês. Ele solicitou a colaboração de todos os prefeitos para ajudar a controlar o avanço da doença. "Essa trajetória ascendente não pode continuar como está, caso contrário, em um mês teremos o estrangulamento total do sistema de Saúde".

Zema afirmou que o governo trabalha com a previsão de crescimento, mas está em ritmo acima do esperado. O governador pediu a coloboração dos mineiros para que o estado consiga controlar a doença  em Minas.

"O mineiro vai ter que fazer a sua parte, caso contrário, nós poderemos perder tudo o que foi construído até o momento. Lembrando que Minas é o segundo Estado com melhor desempenho. Só estamos atrás do Mato Grosso do Sul no que diz respeito a óbitos por 100 mil habitantes". 

 

A preocupação do governo com a curva ascendente fez com que fossem feitas reclassificações dos municípios no programa Minas Consciente. O secretário de desenvolvimento, Fernando Passalio, informou que os 101 muncípios da Região Central de Minas devem voltar à onda verde, que permite a abertura apenas dos serviços essenciais. 


Em 15 dias, é a segunda reclassificação. A Região Central já havia saído da onda amarela para a branca e, neste momento, retorna à verde. 

 Ao todo, 146 municípios aderiram aos protocolos sanitários do Minas Consciente, abrangendo uma população de 3,5 milhões de habitantes.


Desse total, 290 municípios estão na onda branca, 53 na amarela e, a maior parte, 510 na onda verde.

Estado de Minas

Postar um comentário

0 Comentários