Negócio Certo Rural levará orientações e consultorias para produtores de café de Divino


A partir do próximo dia 26, produtores de café de Divino, região das Matas de Minas, passarão a contar com mais um incentivo para o sucesso na administração das propriedades: o Negócio Certo Rural.


 

O programa, idealizado pelo Sebrae em parceria com o Sistema Faemg / Senar Minas, tem o objetivo de contribuir para a melhoria da gestão da propriedade rural por meio da capacitação do produtor, tendo como foco principal o empreendedorismo. O Negócio Certo Rural também auxilia os produtores na melhoria dos negócios já existentes e na implementação de novos projetos na propriedade.


 

Em Divino, trinta produtores rurais de 15 propriedades farão parte da edição do programa, que está sendo realizada em parceria com o Sindicato dos Produtores Rurais do município e segue até o dia 22 de maio. Ao longo desses três meses, os participantes receberão orientações e consultorias para fazer o diagnóstico da propriedade, identificar ideias de negócios e verificar a viabilidade, com informações sobre organização, administração e o relacionamento do negócio com o mercado.


 

A mobilizadora do Sindicato de Divino, Viviane Souza Cunha, explica que os participantes já são atendidos pelo Programa de Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) do Sistema Faemg / Senar Minas. “O Negócio Rural irá complementar o trabalho que vem sendo realizado pelo ATeG, aprofundando os ensinamentos, mostrando os benefícios da gestão e, ainda, incentivando novos passos e rumos para o café, um dos produtos mais importantes na economia da nossa região”, completa.


 

Outro ponto destacado pela mobilizadora é a presença de muitos jovens na edição. “Assim, mesmo que de forma indireta, o Negócio Certo Rural também irá trabalhar a questão da sucessão no campo”, afirma Viviane.


 

O programa conta com 46 horas distribuídas em cinco encontros de 8 horas cada, além de consultorias na sala de aula e na propriedade, de forma individual.


SENAR MINAS 



Postar um comentário

0 Comentários